quarta-feira, 13 de maio de 2020

Polícia de Apodi prende ex. presidiário com tornozeleira que tentou contra a vida de desafeto



Na noite desta terça-feira (12) por volta das 18:30 a polícia militar de Apodi juntamente com o apoio do GTO conseguiram prender em flagrante delito o ex. presidiário de Carlos Eduardo Alves de 28 anos, mas conhecido como Pilato, sobre acusação de tentativa de homicídio e porte ilegal de arma de fogo. O flagranteado saiu recentemente da cadeia e se encontrava sobre o monitoramento de tornozeleira.

Segundo informações da polícia militar repassadas ao Radar Apodiense, o acusado teria tentado contra a vida de um dos seus desafetos, no entanto a arma de fabricação caseira falhou, não sendo possível consumar o fato. 

A vítima do atentato entrou em luta corporal com o acusado, conseguindo tomar a arma. O acusado veio a se evadir do local para local ignorado.

A polícia militar ao ser informado do fato realizou diligência e conseguiu prender em flagrante delito o acusado e o apresentou na delegacia civil de Apodi para lavratura do procedimento flagrancial.

O acusado permanece recolhido no Centro de Detenção provisória de Apodi, estando a disposição da justiça.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Governo do RN adia para dia 15 fração 2 da retomada das atividades econômicas

O Governo do RN publica no Diário Oficial do Estado (DOE) desta quarta-feira, 08, o decreto 29.815, de 07 de julho de 2020, que adia o iníci...