domingo, 11 de março de 2018

Paulo de Telécio questiona a sala de acolhimento às gestantes do Hospital Hélio Morais Marinho


Paulo Telecio usou a tribuna na última quinta-feira (08) durante o grande expediente da sessão e foi mais um dos vereadores que usou a maior parte do seu tempo para fazer a defesa das grávidas do Apodi que se encontram sem ter onde ganharem seus bebês no município. Paulo lamenta que no ano de 2018, não tenha nascido nenhuma criança em solo apodiense.

Na sequência, Paulo questiona a sala de acolhimento às gestantes que foi improvisada no Hospital Regional Hélio Morais Marinho, servindo praticamente somente como uma recepção, e lamentou que o único plano que o município tinha era o de construir uma sala de parto no hospital e que isso não tinha acontecido. “Vocês não tem nem sequer um plano B?” perguntou Paulo. 

Comparando, o vereador afirma que só de combustível gasto para transportar as pacientes para darem a luz em Alexandria ou Mossoró, já daria quase pra manter o convênio com a Maternidade.

Por fim, o parlamentar emitiu sua opinião sobre a obra da escola de Melancias e pediu ao líder do governo que ele possa influenciar o município na liberação dos recursos da obra, para que a empresa possa agilizar a conclusão da mesma.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Caraúbas registra neste domingo seu 1º óbito por Covid-19

A prefeitura municipal de Caraúbas confirmou na noite deste domingo (05), através do seu instragam o seu 1º óbito oficial por covid-19. O mu...